Marco Florentino
Em prosa e verso
Textos
SER MÉDICO (SONETO)
SER MÉDICO (SONETO)

Mais que tratamento, presença que traz tanto alento
Essência da esperança, aquele que mostra confiança
Nobre comportamento, faz do ofício sólido fundamento
Tem na segurança a base da sua tranquila temperança

Exerce a medicina como ação natural da sua fiel rotina
Nos limites da aflição se entrega aos apelos do coração
Na espessa neblina tem a plena certeza da força divina
Procura na razão melhor explicação da intensa emoção

Faz do agir competente base do pensamento coerente
Médico diferente, está sempre presente com o paciente
Apesar da canseira, alívio ao doente na hora derradeira

Parceiro de atendimento... não discrimina o acolhimento
Humanismo seu complemento, atenção seu instrumento
Homenagem ao amigo médico Antônio Carlos M. Moreira

Marco Antônio Abreu Florentino

Ao amigo e companheiro de trabalho e conversa nos longos plantões noturnos, além de parceiro nas atividades de médico auditor, com a gratidão pela atenção e competência dedicadas à minha mãe no momento mais critico da sua vida, como também a outros entes queridos da nossa família.
Marco Florentino
Enviado por Marco Florentino em 20/02/2016
Alterado em 30/09/2017
Comentários